top of page

Trabalhadores na Razek, DMC, Renaldo e Medfield aprovam acordo de data-base


A Direção do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e IBaté realizou no domingo (10/09), assembleia da Campanha Salarial 2023 junto aos metalúrgicos na Razek, DMC, Renaldo e Medfield. Na oportunidade os trabalhadores aprovaram o reajuste salarial com aumento real, e reajuste no Ticket alimentação.


Para o secretário geral do Sindicato, Waldemar Muniz, a conquista é de extrema importância. “A conquista é muito representativa, pois se trata do reajuste salarial negociado através do acordo entre Sindicato e empresa. Vale relembrar que essas empresas pertencem ao grupo 10, no qual não conseguimos fechar a Convenção Coletiva nos últimos anos, devido as dificuldades nas negociações junto ao Sindicato patronal”.


“Ficamos satisfeitos pelos acordos firmados nessas empresas (Razek, DMC, Renaldo e Medfield) que garantem aumento real e reajuste expressivo no ticket alimentação. Mas queremos ressaltar que nossa luta continua pela campanha salarial no restante da base, juntos somos mais fortes”, afirmou o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Ibaté, Vanderlei Strano.


Durante a assembleia a Direção do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Ibaté comentou ainda sobre o processo eleitoral do Sindicato que está em andamento, no qual as eleições acontecem nos dias 26 e 27 de outubro de 2.023, em primeiro escrutínio, conforme editais já publicados.

FIQUEM ATENTOS!


Sindicato participa de encontro que debate a Campanha Salarial

O Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Ibaté representado pela vice-presidenta Ceres Lucena e o Secretário Geral Waldemar Muniz, estiveram presentes na terça-feira (05/09) no encontro que aconteceu na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal).


Na oportunidade a direção da Federação Estadual dos Metalúrgicos (FEM-CUT/SP) reuniu os presidentes e diretores dos 13 sindicatos filiados, para tratar da próxima etapa da Campanha Salarial 2023.


Os dirigentes fizeram um balanço sobre o andamento das negociações com as bancadas patronais, mediram a temperatura das negociações e da campanha, considerando que já é o mês da data base e decidiram intensificar as mobilizações. Até o momento, a Federação realizou reuniões com quase todos os grupos patronais, faltando apenas o G10, que dificulta a discutir os direitos da categoria.


A data-base dos metalúrgicos é em 1º de setembro, mas o índice do INPC de agosto deve ser divulgado essa semana, quando soma o total das perdas salariais da categoria nos últimos 12 meses. Até o momento, os trabalhadores da base da FEM-CUT/SP acumularam 3,85% de perdas nos salários.


Por isso os trabalhadores e as trabalhadoras devem ficar atentos, pois em breve o Sindicato convocará novas assembleias.


ASSEMBLEIA RAZEK, DMC, RENALDO E MEDFIELD

Fotos: Herbert Braz























ENCONTRO DA CAMPANHA SALARIAL

Fotos de Jônatas Rosa e Caroline Queiróz Tomáz









Comments


bottom of page